O trabalho da Capelania Prisional Batista trabalha em dezenas de presídios, com a colaboração de mais de 500 voluntários que realizam visitas regulares, aconselhamento e estudos nesse campo extremamente desafiador. Ainda é preciso fazer muito mais, para que os encarcerados se convertam e a plantação de igrejas dentro dos presídios avance cada vez mais. 

Além da presença física dentro dos presídios, outra grande ferramenta desse ministério é o projeto Grão de Mostarda, que discipula homens e mulheres encarcerados, por meio de cartas enviadas por voluntários e você também pode fazer parte.

CONTATO: genas@missoesnacionais.org.br