Disponibilizamos no material da campanha uma sugestão para ser usada no culto de encerramento. No arquivo abaixo você encontra todo esse material pronto para imprimir. É só baixar!

Apoteose de Encerramento da Campanha de Missões Nacionais 2021

Essa apoteose pode ser adaptada para o culto on-line. Um pequeno grupo pode fazer a apoteose no templo (completa ou algumas partes), gravar ou transmitir ao vivo.

Participantes:

– Narrador – roupa social (Caso prefira, use um casal de narradores que intercalem, entre eles, as falas).

– Professor – calça social, camisa com gravata, terno e chapéu antigo (Tira o chapéu quando chega na casa). Cabelo muito bem penteado, como na década de 40.

– Jovens alunos (homens) – Calça social, camisa e suspensório. Alguns podem usar boinas, chapéus de pano antigos, mas tiram ao entrar na casa. A gravata é opcional. Todos devem estar com o cabelo muito bem penteado. Se possível, use crianças ou juniores em todos os personagens, encenando os adultos.

(Caso a apoteose seja encenada no templo para transmissão nos cultos on-line, não é preciso muita gente. O importante é ter o narrador, o professor, o Billy Graham e mais alguns poucos alunos)

Apoteose:

– Fundo musical – Minha Pátria para Cristo

Baixe aqui os Slides prontos:

– Narrador: (Faça as adaptações do texto para sua igreja. Diminua o volume da música)

  • (SLIDE 1) Jesus Cristo é a única esperança! E em nenhum outro há salvação porque também debaixo do céu nenhum outro nome há dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos” Atos 4.12 Encerramos hoje mais uma campanha de missões nacionais e “Até aqui nos ajudou o Senhor”! Louvamos a Deus pelo empenho e envolvimento de nossa igreja nesta campanha! Glorificamos ao Senhor por cada classe, departamento e irmão, que orou, se engajou, trabalhou e ofertou, ou ofertará hoje, com amor e dedicação! A Deus seja a glória! Vamos rever um pouco do que aconteceu nesta campanha em nossa igreja!

Slides das atividades feitas em sua igreja. (Faça uma apresentação com as fotos, vídeos e tudo que tiver registrado da campanha em sua igreja.

– Fundo musical – Cristo é a única Esperança

– Narrador:

  • A Deus seja a glória por tudo que tem feito entre nós e em nós!(SLIDE 2) Revivemos a histórica Campanha Nacional de Evangelização em 1965, onde os batistas de todo Brasil se engajaram para levar Jesus Cristo, a única esperança ao nosso povo. (SLIDE 3) Era uma geração que não se envergonhava do Evangelho de Cristo, destemida e ousada, compartilhava Jesus nas praças, (SLIDE 4) estádios, e por onde passava! Uma geração que sonhava (SLIDE 5) com o Brasil transformado, olhando os campos brancos para ceifa!
  • (SLIDE 6) Existem dois tipos de pessoas. Podemos descobrir qual somos observando algo muito simples: (SLIDE 7) “Ao entrar em uma sala dizemos: ‘Aqui estou eu’ ou ‘Aí está você’?” (SLIDE 8) Nossos olhos estão em nós mesmos ou nos outros? Temos vivido para nossos sonhos pessoais ou estamos sonhando com um Brasil transformado, desejando ardentemente ser instrumento de Deus para esta transformação? Mesmo em meio a forte tempestade que enfrentamos com a pandemia, temos vivido para espalhar que Jesus é a única esperança? (SLIDE 9) Qual o seu sonho? Isto nos faz lembrar de uma história real que aconteceu em 1940…

– Começa o instrumental da música Sonda-me:

A encenação é bem simples. O cenário e um quarto antigo, com uma cama bem arrumada e um tapete ao lado da cama. O restante do quarto fica por sua criatividade.

Após tocar um pouco da música, diminua o volume e o narrador continua:

– Narrador:

  • (SLIDE 10) James Edwion Orr, professor da Universidade de Wheaton nos Estados Unidos, levou alguns de seus alunos numa rápida viagem à Inglaterra, em 1940. (SLIDE 11) Eles visitaram a antiga reitoria de Epworth, onde residia a família de John Wesley, famoso teólogo anglicano.

O professor e os alunos entram conversando pelo corredor do templo.

– Professor:

  • Eu me alegro muito em poder trazer vocês aqui, ainda tão jovens para conhecer este lugar na Inglaterra! (SLIDE 12) É uma honra conhecer esse lugar! (Vão andando em direção ao palco). Aqui é a antiga reitoria de Epworth onde viveu a família de John Wesley. Ele nasceu 17 de junho de 1703. (SLIDE 13) Era filho de Samuel Wesley, um sacerdote anglicano, e Susanna Wesley, que teve grande influência na vida dos seus 19 filhos, especialmente de John. (SLIDE 14) A vida familiar dos Wesley era rigidamente estruturada, com horários exatos para as refeições, orações e sono. (SLIDE 15) Susanna foi uma mãe exemplar. Ela separava uma hora por semana para estar a sós com cada um dos filhos, para conversar sobre temas de fé e vida cristã e, eram dezenove!! Mesmo já idosa, John Wesley ainda buscava os conselhos de sua dedicada mãe.

Chegam ao “quarto” e o professor continua:

  • (SLIDE 16) John fez do evangelho um agente de transformação social. Esse grande homem de Deus pregou mais de 40.000 sermões, (SLIDE 17) doava mais de 90% de seus rendimentos para a obra de Deus e os necessitados. (SLIDE 18)
  • Andou mais de 250.000 quilômetros, a cavalo. Frequentemente era recebido com violência, e homens pagos rompiam reuniões e ameaçavam a vida dele. (SLIDE 19) Ele era um homem de oração! Lemos em várias partes de seu diário que John tinha um intenso desejo de uma experiência mais profunda com Deus. (SLIDE 20)
  • Este era o quarto de John Wesley. (SLIDE 21) Observem aqui ao lado da cama! Neste tapete vemos dois pequenos círculos bem desgastados, marcas que seus joelhos deixaram após tanto orar pela renovação espiritual da Inglaterra. Milhares de pessoas se converterem com seus sermões!

Os alunos ficam muito impressionados, vão olhar o tapete e ficam um tempinho ali. O professor diz:

  • Agora precisamos ir embora!

Todos começam a sair conversando sobre o lindo testemunho de John Wesley. Um jovem fica no quarto sem os outros perceberem, muito emocionado. Quando todos já estão longe, ele se ajoelha no tapete, nas marcas deixadas por John Wesley e começa orar intensamente em silêncio. Todos saem pelo mesmo lugar que entraram conversando sobre tudo que ouviram e viram. Quando chegam na saída o professor começa a procurar alguém! Olha, olha e não encontra. Decide, silenciosamente, voltar a casa de John Wesley. Quando chega ao quarto encontra o jovem orando muito emocionado dizendo:

– Jovem:

  • “Faz de novo, Senhor! Faz de novo!”.

O professor para e ouve silenciosamente. Aguarda uns segundos emocionado, vai até o jovem, coloca as mãos sobre os seus ombros e diz:

– Professor:

  • “Vamos, Billy Graham, temos que ir embora!”

O fundo musical aumenta o volume. Ele se levanta, limpa as lágrimas e os dois saem pelo corredor atrás dos demais alunos. Diminui o volume da música e a narração continua.

– Narrador:

  • (SLIDE 22) Sim, aquele era o grande pregador Billy Graham, ainda jovem, pedindo ao Senhor que fizesse de novo através de sua vida, o que fez através de John Wesley. Deus ouviu sua oração! (SLIDE 23) Billy Graham foi um dos maiores evangelistas de todos os tempos. Estádios ficavam lotados para ouvir suas pregações. (SLIDE 24) Pregou que Jesus Cristo é a única esperança para milhares e milhares de pessoas, em 185 países, em todos os continentes!
  • Hoje nossa missão é também fazer com que essa boa notícia chegue a todos os cantos de nossa nação e do mundo. (SLIDE 25) Como discípulos daquele que acalma a tempestade, nosso dever é propagar que só há esperança em Jesus Cristo.
  • Glorificamos a Deus pelo passado, pelos grandes servos do Senhor que nos inspiram até hoje! (SLIDE 26) Louvamos a Deus pela grande Campanha de Evangelização de 1965 “Jesus Cristo é a única esperança” e por tantas vidas salvas através do engajamento do povo batista. Sim, olhamos para o passado, mas com olhar de gratidão! Recuar? Jamais! Nosso lema é avançar! (SLIDE 27) (Narrador deve falar com ênfase esse final e começa o hino bem alto)

Fundo musical – Minha Pátria para Cristo

Todos os participantes voltam pelo corredor do templo (ou corredores), marchando como um exército. O professor vai a frente e os alunos atrás. Diminui o volume da música.

– Professor:

  • Nós vamos recuar ou avançar?

– Alunos:

  • Avançar!!

Repetem até chegarem ao palco.

– Narrador:

  • Avançamos crendo que Deus fará maravilhas em nosso meio! A história continua e, hoje, nós somos a geração que está neste barco. Mesmo em outro tempo e realidade, com contextos diferentes, oramos hoje como Billy Graham, clamando:

– Todos os participantes e narrador:

  • “Faz de novo, Senhor! Faz de novo”!

– Narrador:

  • Faz de novo um poderoso despertamento para evangelização em nossas vidas, como em 1965!

– Todos os participantes e narrador:

  • “Faz de novo, Senhor! Faz de novo”!

– Narrador:

  • Faz de novo uma grande colheita de almas!

– Todos os participantes e narrador:

  • “Faz de novo, Senhor! Faz de novo”!

– Narrador:

  •  Faz de novo uma profunda união e engajamento do todo o povo batista na obra missionária! Faz de novo, Senhor! Clamamos:

Os participantes se ajoelham.

– Todos os participantes:

  • “Faz de novo, Senhor! Faz de novo”! (Falar pausado e em contrição)

– Narrador:

  • “Que sejamos instrumentos do Senhor para levar a única esperança aos perdidos que estão ao nosso redor, e juntos, engajados na obra missionária, possamos alcançar (Narrador fala e espera entrar o slide, após alguns segundos continua. Isso em todas as ênfases) (SLIDE 28) as crianças, (SLIDE 29) os excluídos sociais, (SLIDE 30) os menos evangelizados, (SLIDE 31) os grandes centros, e que em cada canto de nosso país, todos ouçam que:

– Narrador e todos participantes: (Todos se levantam e falam bem forte, com muita vibração e entusiasmo)

  • (SLIDE 32) Jesus Cristo é a única esperança!!

Narrador:

  • (SLIDES 33 a 36) Cantemos juntos o hino 439 CC “Minha Pátria para Cristo” e reverentemente acompanhemos a saída das bandeiras.

Os mesmos participantes da encenação, pegam as bandeiras e saem pelo corredor do templo. A saída das bandeiras será feita se a igreja tiver feito o momento cívico na apoteose de abertura da campanha, ou em algum outro momento. Caso não tenha sido feita a entrada das bandeiras, apenas cantam o hino (Ou o Hino Oficial da Campanha) e os participantes saem. Nos cultos on-line, toque o hino para a saída das bandeiras.

– Hino Congregacional 439 CC e Saída das bandeiras.

(SLIDE 37) Para continuidade do culto, compartilhe previamente com seu pastor o conteúdo da apoteose, pois ele pode seguir a mesma linha na mensagem.

Silvana S. P. Martines/Colaboração: Olga Colomietz dos Santos Pereira

Compartilhe nas redes sociais:
Apoteose de Encerramento da Campanha 2021

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *